sábado, 7 de fevereiro de 2009

Quer ser meu amigo?


Em tempos passados fazíamos amigos olhando nos olhos, abraçando, trocando confidências e guardando segredos. E só considerávamos amigos mesmo aqueles que, depois de anos de histórias, aventuras, choros e gargalhadas, continuavam sabendo dos nossos segredos e aceitando nossos defeitos. E por duas vezes, alguém que nunca vi, que nunca abracei, nunca olhei nos olhos, me diz: posso ser seu amigo?

Ah, maldita tecnologia! Claro que eu queria ter realmente 613 amigos como consta, mas a verdade é que tenho uns dois ou três. E eles sabem o que fiz aos 15 anos, aos 20 e aos 25. E sabem o que faço agora.

Então, me perdoa se vou magoá-lo, mas digo não! Não quero ser sua amiga. Posso querer depois que nos encontrarmos e conversarmos um dia inteiro até o sol se pôr e a lua se encher da gente. Posso querer depois que descobrir que gostamos das mesmas cores e não acertamos nas escolhas dos filmes. Posso querer sim, ser sua amiga, depois que chorar uma tarde inteira contando as dores que andam me atormentando. E vou querer, certamente, quando sentir que “nossos santos bateram” e que parece que nos conhecemos há muito tempo. E quando nossos olhares se entenderem e não precisar mais de palavras para saber o que queremos dizer um ao outro.

Mas por enquanto, assim, só de orkut e msn não dá. Você daí e eu de cá, sem nem bem saber a cor dos seus olhos... esqueça! Amizade é mais que isso. Não dá pra ser diferente. Paciência. Experimenta sair do PC e dar uma voltinha na praça...

2 comentários:

Leandro Marlon disse...

Entendo esse sentimento que lhe motivou a escrever...
Meu orkut é a mesma coisa... tanto que para me sentir mais 'livre' troquei os nomes dos grupos... nenhum 'AMIGO' propriamente dito.
Uns 7 são daqueles que beiram amigo... mas na verdade, não são.
A vida hoje em dia passa de maneira rápida e frenética... e para se viver menos só no mundo tecnológico aceitamos qualquer esmola para sentir aquele gosto de 'ser querido e amado'... para ter um simples 'colinho'...

Luciano Monteiro disse...

Gostei, também acredito nisso.
Entrei para o seu Orkut, mas pode aplicar comigo. Sem neura.
Um beijo!